Marina I. Jones Os Executivos Aventura Humana Tecnologia Mundo Rural Colaboradores

domingo, 22 de agosto de 2010

O Finado ADSL versus internet 3G, 4G, 5G....(by Rogerio Rufino)

Lembro-me de um artigo do grande jornalista Cláudio Ábramo, na década de oitenta ainda, no qual ele dizia:
“Um homem é feito de memórias e de sentimento de que errou na existência, mesmo quando os outros pensam que ele acertou.”

Lá pelo ano 2000, eu trabalhava numa empresa telecom, e com minha equipe implementamos o serviço ADSL que ela ainda oferece. Naquela época havia uma interminável discussão entre os especialistas sobre qual tecnologia venceria a disputa pelo mercado do serviço de internet de alta velocidade, cable modem ou ADSL.

Nosso vice-presidente na época era um homem angustiado com a questão, e tentava extrair de seus “especialistas em tecnologia e futuro das telecom” as respostas para sua dúvida.

Nosso presidente ao contrário, era sempre sereno, e sempre que falávamos sobre esta ou outra tecnologia em banda larga na rede física, ele ouvia complacentemente, mas no final dizia, não esqueçam do celular.
Nós, “os especialistas”, tendo como Gurus celebridades como Nicholas Negroponte e sua famosa teoria que predizia que as comunicações que se processavam através de fios (como voz) passariam a serem transmitidas sem fios (wireless) e as que até então eram transmitidas sem fio, como os sinais de TV, passariam a serem transmitidos via meios físicos (fibras ópticas), apostamos na tecnologia ADSL, como o futuro a médio prazo do acesso banda larga, pois substituir a rede de pares metálicos existente por uma rede totalmente óptica era impensável.
Naquela época, para acessos em alta velocidade tínhamos 2 opões apenas, cable ou ADSL. A dicisão pelo ADSL foi fácil, tendo em vista as redes caóticas das operadoras de TV por assinatura, uma tecnologia de quinta classe se comparada as redes de telefonia e seus rigores de especificações técnicas e alta confiabilidade.

Mas hoje percebo, que mesmo escolhendo o que tínhamos em mãos, nossa visão era restrita a no máximo 15 anos a frente. Este foi o nosso erro, ninguém ousaria a imaginar que a vida do ADSL seria tão efêmera. E talvez, justiça seja feita, era isto o que o nosso presidente queria nos dizer. Ele conseguia ver mais além e apostava corretamente no celular.

E o pior é que a indústria ainda continua apostando suas fichas no morimbundo ADSL, e até lançando novas versões ADSL. Criaram uma besteira, que é o ADSL2, que atinge os 20 Mbits, esquecendo-se pelo jeito que, desde o século passado temos a tecnologia VDSL que permite até 52 Mbit/s. E ambas possuem limitações de distância usuário central.

Mas, tenho observado que a indústria Telecom sempre foi assim, quando uma tecnologia está no fim, aparecem inúmeras variantes tentando dar-lhe uma sobrevida. E quando se desenvolve alguma coisa em já não se acredita, invariavelmente o resultado não é grande coisa. O caso mais típico foi o do Paging, que criaram até uma tecnologia 2 way. Claro foi varrido do mapa 6 meses depois do lançamento do serviço de mensagens no celular.

Há poucos li uma notícia que um país do oriente médio vai lançar sua primeira rede ADSL, e claro, tive que explicar a minha esposa, no micro ao lado, o motivo de minhas gargalhadas incontidas.

Tenho hoje um acesso da Vivo celular na fazenda, única operadora que atende lá. Infelizmente eu pego um sinal de Goiás, pois a fazenda está em Minas, mas na divisa com estado de Goiás, as margens da represa de Itumbiara. A velocidade é 2G. É triste mas it works. E são dois micros interligados via um hub baratinho, utilizando os prórpios recursos de networking do windows.

Aqui em Curitiba, estou usando um acesso da Oi, e minha esposa no micro ao lado um acesso TIM. Ambos 3G.

O acesso Oi possui excelente estabilidade, velocidades de download próximas de 300 Kbit/s, mas é uma empresa “esperta”, quando o acesso é download de mídia, you tube por exemplo, o acesso fica inexplicavelmente lento. Deve ser o serviço smart access 3G.

O acesso da TIM é rápido, não faz distinções se você está acessando mídias de vídeo ou não, mas se você fica away alguns segundos ele se desconecta sozinho. E às vezes, para não perder o costume, ele se desconecta no meio de um download. Um caso de polícia.
De todos eles, o Vivo é o melhor sem dúvida em minha opinião.

Claro, muitos dirão que o ADSL ainda é melhor, mais rápido e mais regular. Sim é verdade, o que atrapalha é a palavra ainda. Ela caracteriza bem tecnologias em fim de carreira.

Foi lançado agora o serviço celular 4G nos EUA, que promete velocidades downstream superiores a 100 Mbit/s e está no forno o 5G, com velocidade de até 1Gbit/s. Mas ai os profetas do apocalipse, vão dizer que vai faltar espectro, que o serviço não vai permitir tantos usuários consumindo tamanha banda. Em tese é verdade, mas a tecnologia sempre consegue resolver estas questões.

Recentemente, cancelei meu acesso ADSL, não exatamente pelo serviço Internet, mas por causa da inútil e pré-histórica linha de telefone fixo. Como um mimeógrafo, ela não tinha serventia para mais nada, e eu não queria aquilo mais, ainda mais pagando mensalidade.

Acho até que hoje o grande inimigo do ADSL é a linha fixa. Ninguém mais quer fios em nossas casas e ausência de mobilidade. Quer coisa mais antiga do que tomada telefônica?

Mas este artigo já está muito longo. Para resumir, é melhor não investir dinheiro em galinha morta (ADSL). 
 This article is copyright to the author and may not be reproduced without permission.

15 comentários:

  1. Fiquei aqui pensando: "O que leva uma pessoa a escrever a história de um executivo que se tornou produtor rural, contar os bastidores das negociações de grandes empresas de telecomunicação, de repente deixou aflorar e escreveu sobre o mais profundo dos sentimentos que é o amor, em um repente de loucura ou imaginação insaciável criou estórias mirabolantes e agora, volta a falar da telefonia?"

    Vc é normal? Hum!!!Já sei mandarei novas remessas dos meus vinhos, creio que o efeito passou.

    Beijocas.

    ResponderExcluir
  2. Você não viu nada ainda keilinha, espere os novos capítulos. Um beijão

    ResponderExcluir
  3. uhmmm, ok?! então, onde esta mesmo a grandiosa aventureira Marina Jones? Porque assim daddy, na selva nem sinal de fumaça anda funcionando quanto mais ADSL ou cable! Mas, uhmm, nem sei o que falar diante tantas mudancas repentinas! kkkkkkk Só sei que love you too much!

    ResponderExcluir
  4. Ue, deste jeito vou acabar enrriquecendo a keila, a mais nova empresária de pocões mágicas e alucinógenas do Brasil. Quero meus 10%, menos que isto não aceito não. Por falar nisto, meu estoque acabou ontem,manda mais urgentemente.

    ResponderExcluir
  5. Acho que vou contrariar todo mundo, porque Rogerio é assim, ele nasceu para superar expectativas, e as supera numa velocidade 5G.
    Para compreende-lo é preciso tentar chegar o mais próximo do mundo em que ele vive. Para falar a verdade, nunca consegui, pois minha velocidade e de 1G. Mas em todos estes anos de casados, justiça seja feita, ele acertou todos os numeros, menos os da mega sena, infelizmente, principalmente porque não joga, infelizmente, de novo!
    Ta certo, que acho que ele tinha que separar o humor do técnico e etc... mas ele não importa, ele esta muito acima das pequenas coisas. Ama-lo não é fácil mesmo, pois amar fica muito mais light se falam no mesmo nível, e com o Rogerio isto é difícil, ele carrega uma bagagem que poucos conseguiram, e não é sor por inteligência não, é por uma leitura diuturna, essa é a diferença. Se precisa ser pai-medico, ele vai fundo e chega como chegou a um patamar bem alto para um leigo em medicina, e assim ele o é com todas as coisas que fizeram necessárias na vida dele. Portanto, nós que o amamos, temos que fazê-lo aceitando, o que parece incoerencia, pelo menos para mim, uma simples mortal.
    Podem ate achar um exagero, mas acreditem, não é.

    ResponderExcluir
  6. Pois é meu irmão, com minha vaga contumácia, aqui em casa é CTBC e cable modem de 1.2 mega, que funciona perfeitamente bem. Faço down a até 154 kb/s e up a 400 kb/s, bem estável. Para que não precisa de mobilidade para usar a net, estou satisfeitíssimo e pagando bem menos que a conexão 3G que por aqui é péssima e da Claro. Até em Brasília, o Roberto cancelou o plano Claro 3G dele, pela ineficiencia. Acho que essa operadora em si, que é ruím mesma. Mas estou feliz com o cabo, que até onde sei, aqui o sinal não é adsl. Uma dúvida que sempre esqueci de tirar, mas que vc poderia nos explicar...
    Um abraço a todos, em especial para a Kelly, de mim e a Elisangela, Raphael e Rodrigo e de nossos pais.

    ResponderExcluir
  7. BEm...nem sei o que dizer, peguei já a carruagem andando nessa família superfantástica e sem balão mágico!Mr.Ruffus, acho que o inverno dá interferência nos neurônios, solta alguns cabos essencias e conecta a outros menos normais, mas vá lá a gente consegue te acompanhar e sei que na sua cabeça acontece as 4 estações ao mesmo tempo é como caminhar pelas ilhas dos Açores.
    Abreijos a todos os seguidores, se é que alguém vai ler isso aqui, fiquem com Deus!!!
    HOJE VI A MINHA TIA GRUDE NO MSN, FOI MUITO LEGAL ELA É UM AMOR, TIA TE AMO, BJOS DA SOBRINHA DE ALÉM MAR, Irmã Selma

    ResponderExcluir
  8. Claro, também falei com a Kelly nossa Pop Star mais badalada do inverno curitibano, amei falar com você, beijos da Mãe de Fátima, ela cuida de você! Com todo carinho sua sempre Irmã Selma

    ResponderExcluir
  9. Marco, o acesso que você tem aí é cable modem, que são usados nas redes coaxiais de tvs a cabo. Nos pares metálicos das redes telefônicas se usa o ADSL.
    Se você comprou um cable de 1,2 Mbit/s e ele permite apenas 154 Kbit/s de download, você está com apenas 10% da velocidade contratada. Mas não acredito que eles ofereçam 1,2 Mbit/s.
    Os 3 acessos celulares que estou usando permitem velocidades próximas de 300 Kbit/s. O que não é muito ruim. Se você pagar mais pode ter velocidades um pouco maiores.
    Provavelmente a claro aí ainda seja 2G, o que da uns 40 Kbits somente. Mas todas estão migrando rapidamente para 3G, então tudo isto vai mudar. Um abração.

    ResponderExcluir
  10. Father,

    Alguns países ja vem utilizando a tecnologia 3g desde 2003 e em 2010 ainda não temos operadoras que consigam oferece-la de forma adeguada então daqui uns 10 anos vc volta a explicar a 4G pois somente em 2020 teremos ela funcionando no Brasil mesmo...então volta pro humor que da mais IBOPE...

    Beijosss!!

    ResponderExcluir
  11. Olá Rogério.
    Pelo que entendo, o cálculo para saber a velocidade de download de uma rede é pegar o que é enviado pelo provedor, no caso 1.2 mega ou 1200 kb/s e dividir por 8.
    O que então dará 150 kb/s, que bate exatamente com minha velocidade de down.
    Não confere?
    Até mais...

    ResponderExcluir
  12. Bem, Marco, suas unidades não ficaram claras no primeiro comentário, se 1,2 mega, você queria dizer 1,2 Mbps, e 150 Kb você queria dizer 150 KBytes/s então está correto. De qualquer jeito uma velociade muito baixa, pdrão ISDN (128 Kbits). Nos EUA eu também tive um pré-histórico cable modem, e conseguia downloads até de 700 Kbits. Cute!. Abraços.

    ResponderExcluir
  13. Keilinha, vou pedire a irmã Semulrai para te processare pro calúnia e difamação junto ao Vaticano. Já estou a falare na lingua lusitana para que ela possa me compreendere.
    Karen, você está muito revoltada, os acessos 3G no Brasil até que não estão muito ruins e na minha opinião vão melhorar a cada dia. e 4G e 5G para desempero das operadoras celulares estão a caminho. Sempre tem uma ou outra que acaba lançando o serviço, obrigando todo mundo a reinvestir novamente.

    ResponderExcluir
  14. Pois é Rogério, com seu cable modem nos USA com downloads a 700 kbits/s, você podia baixar um filme .avi de 700 MB em 20 minutos, confere? Eu acho que 99% da população do nosso mísero país deva ter esta "pré-histórica" velocidade em seus super computadores comprados nos carnês das Casas Bahia. hehehe. Um abraço.

    ResponderExcluir
  15. Keila, deixa eu te responder quando vc pergunta ao Rogério se ele é normal.
    Não, ele não é. Ele faz parte de um fina camada da sociedade que tem ativações cerebrais acima da média e com isto consegue pensar, falar ( bem calmo ), e realizar algumas coisas a mais que média dos humanos conseguem. Talvez sim, devesse ser analisado o que seus pais comiam, pois alguns de seus irmãos tem algo semelhante. Acho que só não sobrou muito ( do que for que seja que seus pais comiam ) para a caçula. ( Espero que ela não leia isto, senão vai ficar brava comigo. )
    Clovis Pandini Acipreste

    ResponderExcluir